- Cariri Ativo - A Notícia Com Credibilidade e Imparcialidade
Compartilhar isso

 Quem diria que a troca constante de ministros e dirigentes na pasta mais importante do país poderia causar problemas?

Pois bem, dessa vez o MEC deixou de contabilizar a matricula de milhares de estudantes da rede pública para o cálculo de divisão dos recursos do Fundeb. Com isso, alguns municípios recebem menos e outros recebem mais a que têm direito. O Ceará é um dos estados mais prejudicados, com um erro nas transferências de mais de R$ 215 milhões.
Ao saber do erro, entrei imediatamente com um requerimento na Câmara para que o MEC esclareça o que aconteceu, um pedido para que o TCU faça uma fiscalização desse processo e um ofício à Controladoria-Geral da União para que tome providências.
O Fundeb é muito importante para a educação brasileira. Não pode ser tratado com desleixo.