PM prende homem que castrou cão sem anestesia com facão e mulher que encomendou o serviço em Iguatu - Cariri Ativo - A Notícia Com Credibilidade e Imparcialidade
PM prende homem que castrou cão sem anestesia com facão e mulher que encomendou o serviço em Iguatu

PM prende homem que castrou cão sem anestesia com facão e mulher que encomendou o serviço em Iguatu

Compartilhar isso

 

Caso de crueldade contra um cachorro foi registrado em Iguatu. (Foto: Reprodução/Richard Lopes)

Richard Lopes
No último sábado (12), um caso de crueldade contra um cachorro foi registrado em Iguatu. Por volta das 16h30, a Polícia Militar recebeu uma denúncia anônima através do 190 informando que um homem sem formação em Medicina Veterinária havia supostamente realizado uma castração sem anestesia na rua Coronel José de Pinho, próximo ao colégio Adail Barreto, no bairro Tabuleiro.

Os militares atenderam ao chamado e conversaram com a mulher que supostamente contratou o serviço de castração do cachorro. A mulher afirmou que o homem havia realizado o procedimento cirúrgico sem anestesia e, durante o processo, o animal havia sangrado muito. De acordo com informações repassadas à PM, apenas água gelada, vinagre e um facão foram utilizados no procedimento.

No momento da ação, a ONG Vira Lata de Raça, defensora dos animais, já estava no local. Embora a residência em que o procedimento supostamente ocorreu estivesse limpa, havia um forte cheiro de sangue. Os testículos do animal haviam sido descartados no esgoto. No entanto, populares resgataram as partes descartadas e entregaram ao veterinário da ONG.

Após a ação, o animal foi anestesiado e o homem e a mulher supostamente responsáveis pelo fato foram encaminhados para a Delegacia e autuados por crime de maus tratos a animais. O cachorro segue sob os cuidados da ONG.

miseria.com.br

14.06.2021